FINTECHS: INOVAÇÃO E OTIMIZAÇÃO DO SISTEMA FINANCEIRO NO BRASIL

ARAÚJO, ALEFSON FREITAS DE (2021-03-15)

artigo

As características dos clientes de serviços bancários têm se transformado no decorrer do tempo. Os bancos tradicionais e físicos já não têm suportado as demandas de tais clientes que nasceram imersos na era digital e da informação, aliado a isso, as aceleradas transformações tecnológicas, o tempo cada vez mais escasso, e a busca por praticidade e economia, contribuíram para o surgimento e ascensão das fintechs e dos bancos essencialmente digitais. Neste sentido, o presente artigo, por meio de uma abordagem metodológica de natureza qualitativa e exploratória, tendo a pesquisa bibliográfica como instrumento para coleta de dados em fontes secundárias de prestígio na área científica, como artigos, livros, revistas acadêmicas, universidades com repositórios digitais em Língua Portuguesa e Inglesa, buscou analisar como as fintechs influenciam a oferta de produtos e serviços financeiros no Brasil. Considerando a literatura estudada, foi possível concluir que, por meio de tecnologias como as TIC’s, a Internet de Todas as Coisas, Blockchain, Inteligência Artificial e Big Data, as fintechs estão contribuindo para uma revolução no mercado de serviços e produtos financeiros, devido a sua capacidade de oferecer soluções focadas cada vez mais nas necessidades dos clientes, no baixo custo, na segurança e praticidade, e que, diante deste cenário, os bancos tradicionais têm buscado investir em serviços on-line e novos canais de atendimento, focando principalmente em clientes mais conservadores. Outro dado muito importante da referida pesquisa é o fato da ampliação acentuada no consumo de produtos e serviços financeiros nas fintechs entre as classes C, D e E, uma vez que essas são mais impactadas com altas tarifas e taxas de juros em bancos tradicionais. Abstract: The characteristics of banking service customers have changed over time. Traditional and physical banks no longer support the demands of such customers who were born immersed in the digital and information age, allied to this, the accelerated technological transformations, the increasingly scarce time, and the search for practicality and economy, contributed to the rise and rise of fintechs and essentially digital banks. In this sense, this article, through a qualitative and exploratory methodological approach, using bibliographic research as an instrument for collecting data from prestigious secondary sources in the scientific area, such as articles, books, academic journals, universities with digital repositories in Portuguese and English, sought to analyze how fintechs influence the offer of financial products and services in Brazil. Considering the studied literature, it was possible to conclude that, through technologies such as ICTs, the Internet of Everything, Blockchain, Artificial Intelligence and Big Data, fintechs are contributing to a revolution in the financial services and products market, due to its ability to offer solutions increasingly focused on customer needs, low cost, security and practicality, and that, in view of this scenario, traditional banks have sought to invest in online services and new service channels, focusing mainly on more conservative customers. Another very important fact of the aforementioned research is the fact of the sharp increase in the consumption of financial products and services in the fintechs between classes C, D and E, since these are more impacted by high rates and interest rates in traditional banks.


Collections: