Combinatória e tecnologia digitais: uma revisão sistemática de dissertações do PROFMAT

Oinhas, Marcos Adriano Sopeletto (2021)

tcc

Neste artigo, busca-se responder às seguintes questões: Como as dissertações do Programa de Mestrado Profissional em Matemática em Rede Nacional (PROFMAT) de 2016 a 2020 tratam, na educação básica, a resolução de problemas de análise combinatória mediada pelas tecnologias digitais? Quais contribuições uma revisão sistemática dessas dissertações pode oferecer à pesquisa sobre essa temática no Brasil e às práticas de sala de aula? Apresenta-se uma série de análises decorrentes de uma revisão bibliográfica sistemática (BOTELHO; CUNHA; MACEDO, 2011; ROMANOWSKI; ENS, 2006) de dissertações do PROFMAT produzidas no período de 2016 a 2020. Recorreu-se a Gravina e Santarosa (1998), Onuchic (1999), Alevatto (2005) e Zanon (2019), para estudar nove produções, nas quais foram analisados principalmente as compreensões sobre análise combinatória e resolução de problemas, a presença das tecnologias digitais nas pesquisas, os aspectos metodológicos das investigações e os produtos que cada autor elaborou. O resultado das análises permitiu afirmar a existência de um conflito na compreensão do que seria a resolução de problemas, bem como a presença das tecnologias como suporte para a aplicação dos produtos elaborados.

In this article, we seek to answer the following questions: How do the theses of the Professional Master’s Program in Mathematics in the National Network (PROFMAT) from 2016 to 2020 deal, in basic education, with the solving of combinatorial analysis problems mediated by digital technologies? What contributions can a systematic review of these theses offer to research on this topic in Brazil and to classroom practices? A series of analyzes resulting from a systematic bibliographic review (BOTELHO; CUNHA; MACEDO, 2011; ROMANOWSKI; ENS, 2006) of PROFMAT theses produced in the period from 2016 to 2020 is presented. Gravina and Santarosa (1998), Onuchic (1999), Alevatto (2005) and Zanon (2019) were used to study nine productions, in which the understanding of combinatorial analysis and problem solving, and the presence of digital technologies were analyzed. Furthermore, the methodological aspects of the investigations and the products that each author developed were investigated. The results of the analyzes allowed to affirm the existence of a conflict in the understanding of what would be the problem solving, as well as the presence of technologies as a support for the application of the elaborated products.


Collections: