Humanização da arquitetura hospitalar através de diretrizes projetuais utilizando parâmetros do Sistema Único de Saúde (SUS) e Conforto Bioclimático

Gomes, Renata Louzada Borchardt (2019)

tcc

A humanização na arquitetura hospitalar afeta de maneira significativa a melhora do paciente e incentiva os profissionais que ali trabalham, muitas dissertações científicas publicados na área da saúde levam a esta mesma conclusão. Este trabalho pretende através de um estudo no hospital público Sílvio Avidos, averiguar sua arquitetura quanto ao conforto bioclimático - iluminação e ventilação naturais- e layout utilizando parâmetros do SOMASUS. Com base nos resultados, será proposto melhorias para aquela edificação, através de diretrizes projetuais, readequando-o para um melhor aproveitamento do espaço como um todo, utilizando os elementos naturais. Para tanto, foram observados aspectos quanto à iluminação e ventilação natural, com base em casos assemelhados, e utilizando como princípio, a arquitetura hospitalar humanizada e instrumentos metodológicos como o walkthrough, checklist e mapa comportamental para auxiliar no entendimento e diagnóstico do espaço e assim contribuir nas soluções para um melhor layout dos ambientes e melhor conforto bioclimático (ventilação e iluminação naturais). Com a análise dos dados obtidos no decorrer deste trabalho, concluiu-se que a edificação necessita de maior quantidade de pontos de ventilação e iluminação naturais, e seu layout não é o ideal. Para a proposta de melhoria foram elaboradas diretrizes projetuais de adequação para Humanização do Hospital, utilizando Sheds e aberturas estrategicamente posicionadas para obter ventilação cruzada e iluminação natural, e também reconfiguração dos ambientes e layout, através da retirada de algumas paredes, e ou edificação de outras. Para extrair o que a natureza e o meio em que a edificação está inserida tem a proporcionar, foi concebido um projeto que mostra que é possível remodelar parte do hospital para oferecer qualidade nos serviços prestados, na estadia do paciente, e na Humanização Arquitetônica Hospitalar oferecida pelo Hospital Silvio Avidos

Humanization in hospital architecture significantly affects patient improvement and encourages professionals working there, many scientific dissertations published in the health area lead to this same conclusion. This work aims, through a study at the public hospital Sílvio Avidos, to ascertain its architecture regarding bioclimatic comfort - natural lighting and ventilation - and layout using SOMASUS parameters. Based on the results, improvements will be propose for that building, through design guidelines, readjusting it for a better use of space as a whole, using natural elements. Therefore, aspects regarding lighting and natural ventilation were observe, based on similar cases, and using as a principle, the humanized hospital architecture and methodological instruments such as walkthrough, check list and behavioral map to help in understanding and diagnosing the space and thus contribute to the solutions for a better layout of the environments and better bioclimatic comfort (natural ventilation and lighting). With the analysis of the data obtained during this work, it was conclude that the building needs a larger amount of ventilation points and natural lighting, and its layout is not ideal. For the improvement proposal, design guidelines for adequacy for the Humanization of the Hospital were elaborated, using sheds and strategically placed openings to obtain cross ventilation and natural lighting, as well as reconfiguration of the environments and layout, through the removal of some walls, or the construction of others. To extract what the nature and environment in which the building is inserted has to provide, a project was designe that shows that it is possible to remodel part of the hospital to offer quality services, patient stay and Hospital Architectural Humanization offered. by Hospital Silvio Avidos.


Colecciones: