Avanços no melhoramento genético de culturas para para superar o estresse hídrico: bibliometria e meta-análise

Silva, Patrícia Ferreira da (2023-12-06)

tcc

A resistência das plantas ao estresse hídrico é um caráter que deve ser estudado com mais ênfase na busca por maiores rendimentos agrícolas. Assim, as pesquisas dentro dos programas de melhoramento devem ser direcionadas para mecanismos específicos e culturas agrícolas importantes no agronegócio mundial. Nessa perspectiva, o estudo realizou uma investigação bibliográfica a respeito dos avanços no melhoramento genético voltado ao estresse hídrico nas culturas utilizando um modelo híbrido de análise de artigos científicos, tomando como base os parâmetros bibliométricos para discussão qualitativa e quantitativa da produção científica e o processo metodológico de revisão sistemática para síntese dos resultados obtidos. Para alcançar os objetivos propostos foram necessárias quatro etapas, a citar: busca de artigos nas bases de dados, meta-análise, análise bibliométrica e análise sistemática. Foram pesquisados artigos científicos nas bases de dados Scopus, Scielo e Web of Science em um período de 20 anos. A maioria dos autores e instituições oriundos de países asiáticos, o que demonstra a necessidade de expansão global das pesquisas sobre o tema. No que diz respeito as redes de coocorrência entre as palavras-chave usadas na busca, o foco permaneceu nos seguintes termos: resistência à seca, estresse hídrico; seca e tolerância à seca. Evidentemente, o principal mecanismo de tolerância ou mesmo resistência estudado em programas de melhoramento genético está associado à expressão de genes e organismos geneticamente modificados que conferem resistência às plantas, além disso, as culturas abordadas nas pesquisas recuperadas são altamente diversas.

Plant resistance to drought stress is a trait that should be studied with more emphasis in the search for higher agricultural yields. In this context, research within breeding programs should be directed to specific mechanisms of action and the important agricultural crops in world agribusiness. Thus, the objective was to carry out a bibliographic investigation regarding the advances in genetic improvement aimed at drought stress in crops from a hybrid model of analysis of scientific articles, using the bibliometric parameters for qualitative and quantitative discussion of scientific production and the methodological process of systematic review for the synthesis of results obtained. The work was organized into four stages: Search for articles in databases, Meta-analysis, Bibliometric and systematic analysis. Scientific articles were searched in Scopus, Scielo, and Web of Science databases for a period of 20 years. The majority of authors and institutions originated from Asian countries, demonstrating the need for global expansion of research on the subject. Regarding the co-occurrence networks between the words, it was noted that a focus was on the use of the words: drought resistance; drought stress; drought, and drought tolerance. Evidently, the primary mechanism of tolerance or even resistance studied in breeding programs is associated with the expression of genes and genetically modified organisms that confer resistance to plants, and the crops researched are the most diverse.


Collections: