Potencial genético de acessos de milho cultivados sob déficit hídrico

Almeida, Rafael Nunes (2018)

Dissertação de mestrado

RESUMO: O milho é uma das culturas de maior interesse econômico a nível mundial, e compõe a base alimentar e produtiva da agricultura familiar. No estado do Espírito Santo, a precipitação pluviométrica abaixo da média, registrada nos últimos anos, tem gerado menor produção de milho. Uma das alternativas para esse problema é o desenvolvimento de variedades de milho tolerantes à déficit hídrico. Objetivou-se avaliar o potencial genético de acessos de milho da coleção de trabalho do Banco Ativo de Germoplasma do Ifes (BAG do Ifes) para o desenvolvimento de programa de melhoramento visando a obtenção de variedades tolerantes ao déficit hídrico no estado do Espírito Santo. Realizou-se coletas junto a agricultores familiares a fim de aumentar o número de acessos de milho do BAG do Ifes. Avaliou-se 20 acessos de milho da coleção de trabalho do BAG juntamente com um acesso comercial (testemunha). Os genótipos foram cultivados, sob déficit hídrico, em dois ambientes: Alegre e Colatina. Avaliou-se 14 descritores morfoagronômicos, sendo seis obtidos no período anterior à colheita e nove obtidos pós-colheita. Realizou-se análise de variância pelo teste F seguido de comparação de médias pelo teste de Scott Knott (p>0,01). Estimou-se os parâmetros genéticos: coeficientes de variação fenotípica e genotípica, herdabilidade e índice de variação genética. Os acessos foram agrupados por dissimilaridade pelo método UPGMA. Ocorreram interações genótipo ambiente, sendo alcançadas maiores produtividades médias em Colatina. Incorporou-se 7 novos acessos de milho à coleção de trabalho do programa de melhoramento de milho do Ifes. O estresse hídrico gerou menores produtividades de grãos, contudo houve materiais com rendimento semelhante a cultivar comercial apontada como tolerante à déficit hídrico. Os descritores relacionados ao desempenho agronômico foram mais influenciados pelo ambiente do que os descritores morfológicos. Os resultados obtidos apontam que há diversidade genética entre os acessos de milho do BAG do Ifes. O estudo revelou que a coleção de trabalho do referido banco de germoplasma possui genótipos promissores para o desenvolvimento de cultivares de milho tolerantes ao déficit hídrico nas duas microrregiões estudadas.

ABSTRACT: Maize is one of the most economically important crops in the world, and it is the food and productive base of family farming. In the state of Espírito Santo, below-average rainfall recorded in recent years has generated lower maize production. One of the alternatives for this problem is the development of maize varieties tolerant to water deficit. The aim of this study was to evaluate the genetic potential of maize accesses from the work collection of the Ifes Germplasm Asset Bank (BAG do Ifes) for the development of a breeding program to obtain tolerant varieties of water deficit in the state of Espírito Santo. Seeds collected from family farmers in order to increase the amount of access of corn from the Ifes BAG. Twenty maize accesses from the BAG work collection evaluated along with commercial access (control). The genotypes were cultivated, under water deficit, in two environments: Alegre and Colatina, ES. Evaluated 14 morphoagronomic descriptors, six of them being obtained in the period before harvesting and nine being obtained post-harvest. A variance analysis performed by the F-test followed by means comparison by the Scott Knott test (p> 0.01). The genetic parameters estimated: coefficients of phenotypic and genotypic variation, heritability and genetic variation index. The accessions grouped by dissimilarity by the UPGMA method. There were interactions genotype-environment, reaching higher average yields in Colatina. Seven new accesses of maize added to the work collection of the breeding program of the Ifes. Water stress generated lower yields of grains, however, there were materials with a yield similar to commercial cultivar, which considered tolerant to water deficit. The descriptors related to the agronomic performance more influenced by the environment than the morphological descriptors. The results obtained indicate that there is genetic diversity among the maize accesses of the BAG of the Ifes. The study revealed that the work collection of this germplasm bank had promising genotypes for the development of maize cultivars tolerant to the water deficit in the two microregions studied.


Collections: