Prática pedagógica interdisciplinar no Curso Técnico em Pesca : um olhar sobre as ilhas costeiras de Piúma-ES com vistas à promoção da educação ambiental crítica

Monteiro, Charlles (2018)

Dissertação de mestrado

RESUMO: O objetivo dessa pesquisa foi investigar o potencial pedagógico para uma educação ambiental crítica por intermédio de uma sequência didática (SD) sociocultural e interdisciplinar desenvolvida no Instituto Federal do Espírito Santo - Campus Piúma e em três ilhas costeiras adjacentes, a saber: Ilha do Gambá, Ilha do Meio e Ilha dos Cabritos, ambientes naturalmente interativos e ricos em biodiversidade terrestre e marinha. Fundamentada na complementaridade entre a educação formal e a educação não formal de Gohn (2014) a SD foi estruturada nos três momentos pedagógicos propostos por Delizoicov, Angotti e Pernambuco (2011): problematização inicial, organização do conhecimento e aplicação do conhecimento. Seguindo os pressupostos de Guimarães e Giordan (2013), a SD foi validada a priori, com dois grupos de professores, e a posteriori com uma turma de 21 educandos do 4º ano do Curso Técnico em Pesca Integrado ao Ensino Médio. Configurada como estudo de caso, a investigação qualitativa teve os dados produzidos a partir de questionários semiestruturados e registros em diários de bordo pelos educandos e observações do pesquisador. Os resultados da intervenção pedagógica evidenciaram o alcance de indicadores da educação ambiental crítica proposta por Loureiro (2012), identificados a partir três eixos de análise criados pelo pesquisador: 1) teórico-conceitual: com a apropriação, pelos sujeitos do estudo, do conceito e identidade da tendência emancipatória da educação ambiental em contraste com o enfoque conservacionista, na perspectiva do conhecimento do ambiente enquanto totalidade; 2) método-filosófico: a partir da compreensão da complementaridade entre a educação formal e a educação não formal por meio do uso recíproco de ambos espaços educativos em uma formação crítica e reflexiva; 3) práxis-pedagógico: com o desenvolvimento de uma proposta educativa construída de modo participativo que vincula o conteúdo curricular com a problematização da realidade de vida da comunidade escolar, da condição existencial e da sociedade com vistas às suas transformações. Com base na investigação, foi elaborado um Guia Educativo sobre as Ilhas Costeiras de Piúma aos educadores interessados no uso dos espaços de educação não formal como potenciais pedagógicos para promoção de uma educação ambiental crítica e emancipatória com os educandos.

ABSTRACT: The objective of the present research was the assessment of the pedagogical potential for a critical environmental education through a sociocultural and interdisciplinary didactic sequence (DS) developed at the Federal Institute of Espírito Santo – Campus Piúma in three adjacent coastal islands known as Ilha do Gambá, Ilha do Meio and Ilha dos Cabritos which form an interactive natural environment that is rich in terrestrial and marine biodiversity. Based on the complementarity of the formal and non-formal education proposed by Gohn (2014) the DS was organized in the three distinct pedagogic moments as defined by Delizoicov, Angotti and Pernambuco (2011): initial problematization, knowledge gathering and knowledge application. Following the assumptions proposed by Guimarães and Giordan (2013), the DS was validated by two groups of teachers a priori and by a class of 21 students from the 4th year of the Technical Course in Fisheries Integrated to the High School a posteriori. Set as a case study the qualitative investigation was based on the data obtained from semi-structured questionnaires and logbook entries registered by the students and observations of the researcher. The results of the pedagogic intervention have shown the extent of the critical environmental education proposed by Loureiro (2012) that were identified from the three-axis analysis established by the researcher: 1) theoretical-conceptual: by the appropriation, by the subjects of the study, of the concept and identity of the emancipatory tendency of the environmental education in comparison with the conservationist approach, from the perspective of environmental knowledge as a whole; 2) philosophical method: from the understanding of the complementarity of the formal and non-formal education by the reciprocal utilization of both educative spaces for the attainment of a reflective and critical formation; 3) pedagogic praxis: from the establishment of an educative proposal built in a participative way that links the course syllabus with the problematization of the life reality of the school community, of the existential condition and of the society, aiming at their transformation. Based on the performed investigation, it was created an Educational Guide on the Coastal Islands of Piúma which is intended for the educators interested in taking advantage of the non-formal education spaces as pedagogic potentials for the promotion of a critical and emancipatory environmental education to their students.