Show simple item record

Pensar a concepção de autismo na escola: contribuições pedagógicas para educadores inclusivos

dc.contributor.advisorGonçalves, Nahun Thiaghor Lippaus Pires
dc.contributor.authorPacheco, Amanda Ortolan
dc.date.accessioned2023-07-14T11:48:42Z
dc.date.available2023-07-14T11:48:42Z
dc.date.issued2023-06-21
dc.identifier.citationPacheco, Amanda Ortolan. Pensar a concepção de autismo na escola: contribuições pedagógicas para educadores inclusivos. 2023. 58 f. Monografia (Licenciatura em Pedagogia) - Instituto Federal do Espírito Santo, Itapina, 2023.pt_BR
dc.identifier.urihttps://repositorio.ifes.edu.br/handle/123456789/3419
dc.description.abstractA presente pesquisa considerou como objetivo a observação do ambiente escolar para pensar a concepção pedagógica do estudante com autismo na perspectiva inclusiva. Pensando nisso, os objetivos específicos foram traçados através de questões que visam fundamentar a compreensão do estudante com autismo para além do quadro clínico, relacionando pesquisas atuais e associações de vivências escolares. Uma pesquisa qualitativa que se desenvolveu pela análise de artigos científicos publicados entre 2019 a 2022 na Revista Brasileira de Educação Especial e pelo acompanhamento de estudante com autismo durante 12 meses numa escola regular da região de Colatina-Espírito Santo. Para pensar o autismo em uma concepção pedagógica foram concebidos conceitos de Vigotsky (2008) na busca por fundamentar o pensamento inclusivo. A análise dos artigos revelou que muitos estudantes com autismo não possuem uma formação educacional com base em metodologias inclusivas que contemplem a diversidade na sala de aula, pois os processos de ensino ainda se pautam em metodologias tradicionais padronizadas, com foco no laudo e nível, muitas vezes sem considerar o sujeito. Os dados mostram a relevância na contextualização do autista, aqui pessoa com autismo, que se daria por análise do sujeito, sua singularidade, bagagem cultural e realidade local. Diante disso, através da vivência escolar, foram aproximados os principais conceitos de autismo no DSM-5 com exemplos de vivências escolares, para contribuir com os estudantes e profissionais da área da Educação, em uma linguagem que potencialize a mediação pedagógica. Através dos resultados é observado a importância do professor especializado como aquele que fortalece a materialização das legislações, do reconhecimento, pertencimento e da inclusão, um pilar facilitador da acessibilidade e permanência dentro do processo educacional na escola regular para todos os estudantes vinculados a Educação Especial.pt_BR
dc.format.extent58 f.pt_BR
dc.languagept_BRpt_BR
dc.rightsacesso_abertopt_BR
dc.subjectAutismopt_BR
dc.subjectInclusão escolarpt_BR
dc.subjectEducação Especialpt_BR
dc.titlePensar a concepção de autismo na escola: contribuições pedagógicas para educadores inclusivospt_BR
dc.typetccpt_BR
dc.publisher.localColatinapt_BR
ifes.campusCampus_Itapinapt_BR
dc.contributor.institutionIfes Campus Itapinapt_BR
ifes.author.latteshttp://lattes.cnpq.br/8931871063244666pt_BR
dc.description.affiliationIfesCampus_Itapinapt_BR
ifes.advisor.latteshttp://lattes.cnpq.br/3445739276954976pt_BR
ifes.course.undergraduateLicenciatura em Pedagogia
dc.contributor.memberCaetano, Carla Rejane de Paula Barros
dc.contributor.memberBezerra, Ludmila Lins
ifes.member.latteshttp://lattes.cnpq.br/0754234799211437pt_BR
ifes.member.orcidhttps://orcid.org/0000-0003-1367-4111pt_BR
ifes.advisor.orcidhttps://orcid.org/0000-0002-5684-0880pt_BR


Files in this item

Thumbnail
Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record