Ensino híbrido: método da sala de aula invertida aplicada ao estudo das propriedades físicas dos minerais

Meyer, Ana Paula (2022-04-28)

tcc

RESUMO: Este trabalho apresenta os resultados de uma investigação qualitativa do tipo intervenção pedagógica seguindo respectivamente as acepções de Bogdan e Boklen e Damiani, et al. A pesquisa de intervenção foi realizada por meio da proposta da sala de aula invertida no ensino híbrido na conceituação de Bacich, Tanzi Neto e Trevisani, utilizando para tanto as ferramentas digitais como: Podcast, Word Cloud e Padlet. A metodologia da sala de aula invertida no ensino híbrido foi aplicada na disciplina de mineralogia do curso de graduação em Engenharia de Minas do Ifes - campus Cachoeiro de Itapemirim durante o período de pandemia da Covid-19, com a participação de quatro alunos. A pesquisa de intervenção pedagógica teve como objetivo geral possibilitar uma maior interação dos sujeitos da pesquisa com o conteúdo teórico sobre propriedades físicas dos minerais abordado na disciplina de mineralogia. Este conteúdo foi escolhido por possibilitar a aplicação do método da sala de aula invertida, contendo conteúdos teóricos que necessitam ser aplicados na prática do reconhecimento mineral. A partir dos resultados obtidos na pesquisa, a metodologia da sala de aula invertida conforme modelo de rotação da proposta pedagógica do ensino híbrido se mostrou como uma prática que favoreceu aos sujeitos envolvidos na pesquisa, engajamento nos assuntos teóricos e práticos relacionados ao conteúdo propriedades físicas dos minerais, autonomia e motivação intrínseca no processo de ensino e aprendizagem. A prática de reconhecimento das propriedades físicas dos minerais realizada em sala de aula durante a pesquisa de intervenção foi um ambiente de discussões e reflexões, em que a professora teve como função a significação da informação.


Collections: