Avaliação da remoção de mancha de oxidação através da utilização de solução removedora de mancha em Quartizito Vancouver

Novaes, Rodrigo Carneiro (2022)

tcc

RESUMO: As manchas de oxidação representam uma patologia cromática que provoca uma desvalorização comercial do material pétreo. A presença das manchas de oxidação do quartzito Vancouver pode estar relacionada a presença de mineiras de óxido/hidróxido de ferro, presente como minerais secundários na rocha. A partir deste problema estudaram-se métodos para remoção destas manchas utilizando soluções ácidas em diferentes metodologias, tais como: aplicação na superfície da chapa e imersão da chapa em tanque com solução removedora de manchas. A interação das soluções removedoras de manchas com a rocha foi analisada por meio de análise computacional com o software ImageJ e análise de brilho com o medido de brilho NovoGloss. O objetivo foi avaliar o resultado da remoção das manchas entre as diferentes metodologias de tratamento. De acordo com o trabalho, o tratamento com aplicação de ácido na chapa apresentou um melhor resultado de brilho, apresentando variação positiva no brilho em 9 das 12 amostras. De acordo com a análise computacional, o tratamento com a imersão da chapa apresentou um melhor resultado quando o parâmetro avaliado é variação no clareamento. Contudo, e o tratamento com aplicação da solução removedora de manchas na superfície da chapa apresentou um melhor resultado quando o parâmetro avaliado é o número de amostras clareadas. Diante do comentado, foi possível notar que o tratamento por imersão apresentou um melhor resultado na remoção das manchas.

ABSTRACT: Oxidation stains represent a chromatic pathology that causes a commercial devaluation of the stone material. The presence of the Vancouver quartzite oxidation spots may be related to the presence of iron oxide/hydroxide mining, present as secondary minerals in the rock. From this problem, methods for removing these stains were studied using acidic solutions in different methodologies, such as: application on the surface of the plate and immersion of the plate in a tank with stain remover solution. The interaction of the stain removers with the rock was analyzed by means of computational analysis with the ImageJ software and gloss analysis with the NovoGloss gloss measurer. The objective was to evaluate the result of stain removal between the different treatment methodologies. According to the work, the treatment with the application of acid to the plate showed a better result in gloss, with a positive variation in gloss in 9 of the 12 samples. According to the computational analysis, the treatment with the immersion of the plate showed a better result when the parameter evaluated is variation in bleaching. However, the treatment with application of the stain remover solution on the surface of the plate showed a better result when the evaluated parameter is the number of bleached samples. In view of the comments, it was possible to notice that the immersion treatment presented a better result in the removal of the stains.


Coleções: