Estudo e análise de implantação de binário na Avenida Saturnino Rangel Mauro com ES-060 (Rodovia do Sol)

Faria, Geórgia Lyra Coura Nunes de (2022)

trabalho de conclusão de curso

RESUMO: Os resultados da simulação indicam que, se não houver intervenção até 2035, 37,5% dos movimentos analisados no sistema operarão em Nível de Serviço D, E ou F, com filas médias de 46 metros e atrasos médios de 59 segundos. Para o Cenário 03 (Futuro com intervenção), tem-se os melhores resultados, apresentando Níveis de Serviço entre A e C em todos os trechos de análise do sistema, a redução considerável das filas (média de 5,82 metros em comparação com os 23,74 metros do Cenário 02) e a redução de cerca de 65% dos tempos médios de atraso decorrentes de paradas, considerando redução do tempo de parada de 13,05 segundos para 4,63 segundos. Cabe destacar, ainda, que os valores médios de comprimento de fila e de tempo de atraso nos Cenários 01 e 02 são reduzidos em razão da inclusão, nos cálculos, dos resultados obtidos na simulação do cruzamento 4 (R. Itaboraí x Rodovia ES-060), que não é semaforizado atualmente e, por isso, não acumula filas ou atrasos nos cenários sem intervenção. Portanto, a discrepância entre os valores dos Cenários 01 e 02 e os do Cenário 03 é ainda maior na maioria dos movimentos do sistema. Entretanto, é necessário apontar que atualmente existem obras de infraestrutura rodoviária em andamento, intervenções que impactarão efetivamente o fluxo da região, possibilitando, portanto, a realização de novos estudos a serem analisados sob a ótica de novas projeções adotadas. Pode-se citar como exemplo a obra de Implantação e Pavimentação da ES-388, que se apresentará como alternativa de acesso a Vila Velha, e transferirá parte do tráfego urbano sobre a Avenida Carlos Lindenberg para a Rodovia ES-060. Ademais, é possível realizar novas análises adotando diferentes métodos de projeção para a frota, como os métodos de projeção geométrica, taxa decrescente de crescimento e crescimento logístico. Por fim, o estudo de tráfego aqui desenvolvido buscou definir subsídios técnicos básicos para tomada de decisão por parte dos órgãos gestores estabelecendo recomendações quanto a implantação das intervenções propostas.


Collections: