Show simple item record

Reflexos da construção de um ambiente de aprendizagem baseado na modelagem matemática no desenvolvimento do autoconceito acadêmico em matemática

dc.contributor.advisorLorenzoni, Luciano Lessa
dc.contributor.authorLima, Tatiane da Silva
dc.date.accessioned2021-12-17T13:19:40Z
dc.date.available2021-12-17T13:19:40Z
dc.date.issued2019
dc.identifier.citationLIMA, Tatiane da Silva. Reflexos da construção de um ambiente de aprendizagem baseado na modelagem matemática no desenvolvimento do autoconceito acadêmico em matemática. 2019. 131 f. Dissertação (Mestrado em Educação em Ciências e Matemática) - Instituto Federal do Espírito Santo, Vitória, 2019.pt_BR
dc.identifier.urihttps://repositorio.ifes.edu.br/handle/123456789/1402
dc.description.abstractNa prática da sala de aula, alguns alunos ficam desinteressados em aprender determinados conteúdos matemáticos e desmotivados em relação à disciplina Matemática. Isso ocorre, muitas vezes, devido à maneira como é apresentada essa disciplina aos alunos, e o sucesso ou fracasso na aprendizagem ao longo da vida podem influenciar sua percepção sobre a Matemática, ou seja, seu autoconceito acadêmico. O aluno que desenvolve uma percepção positiva de sua capacidade acadêmica tem altas expectativas de seu desempenho e maior engajamento cognitivo nas tarefas. Pesquisas revelam que é possível utilizar a modelagem como importante recurso nos processos de ensino e de aprendizagem da Matemática, por possibilitar o tratamento de conteúdos matemáticos por meio da problematização e modelação de fenômenos reais e sociais pelos estudantes. Neste estudo, procurou-se verificar contribuições de uma atividade de Modelagem Matemática, num ambiente investigativo, para o desenvolvimento de crenças de autoconceito dos estudantes mais positivas acerca da sua relação com a Matemática. Participaram da pesquisa quatorze alunos do sétimo ano do ensino fundamental de uma escola pública municipal de Vitória-ES. Procedeu-se à prática em um ambiente de aprendizagem por meio de uma investigação baseada num contexto real dos estudantes, que foi o consumo de água. A coleta dos dados ocorreu por meio de uma escala de autoconceito em relação à Matemática, proposta por Pajares e Miller (1994), questionários, registros produzidos pelos alunos durante os encontros, diários de bordos da pesquisadora e dos alunos, gravação de áudio de alguns encontros e entrevistas. Os resultados apontam indícios de melhoria no autoconceito em Matemática dos alunos e mostram que experiências que trabalham com a realidade do aluno, o trabalho em grupo e a interação professor-aluno contribuem para maior motivação em aprender. Sugere a Modelagem Matemática como uma proposta de ensino que pode favorecer atitudes em relação à Matemática mais positivas e, consequentemente, melhorar o desempenho dos estudantes nessa disciplina. Como produto educativo, recorreu-se à elaboração de um e-book, articulando a teoria à prática, que sustentaram a apresentação desta pesquisa. Palavras-chave: Matemática. Autoconceito em matemática. Modelagem matemática. Ambiente de aprendizagem.pt_BR
dc.description.abstractIn the classroom practice, some students are disinterested in learning certain mathematical content and unmotivated in relation to the subject Mathematics. This is often due to the way this discipline is presented to students, and the success or failure of lifelong learning can influence their perception of mathematics, that is, their academic self-concept. The student who develops a positive perception of his academic ability has high expectations of his performance and greater cognitive engagement in the tasks. Research shows that it is possible to use modeling as an important resource in the teaching and learning processes of Mathematics, as it enables the treatment of mathematical content through the problematization and modeling of real and social phenomena by students. In this study, we sought to verify the contributions of a Mathematical Modeling activity, in an investigative environment, to the development of self-concept beliefs of the most positive students about their relationship with Mathematics. Fourteen seventh grade students from a public school in Vitória-ES participated in the research. The practice was carried out in a learning environment through an investigation based on a real context of the students, which was water consumption. Data collection occurred through a self-concept scale in relation to Mathematics, proposed by Pajares and Miller (1994), questionnaires, records produced by students during the meetings, diaries of the researcher's and students' edges, audio recording of some meetings and interviews. The results show signs of improvement in students' self-concept in Mathematics and show that experiences that work with the student's reality, group work and teacher-student interaction contribute to greater motivation in learning. It suggests Mathematical Modeling as a teaching proposal that can favor more positive attitudes towards Mathematics and, consequently, improve students' performance in this discipline. As an educational product, an e-book was elaborated, linking theory to practice, which supported the presentation of this research. Keywords: Mathematics. Self-concept in mathematics. Mathematical modeling. Learning environment.pt_BR
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)pt_BR
dc.format.extent131 f.pt_BR
dc.languagept_BRpt_BR
dc.rightsacesso_abertopt_BR
dc.subjectMatemática - Estudo e ensinopt_BR
dc.subjectMathematics - Study and teachingpt_BR
dc.subjectMatemática - autoconceitopt_BR
dc.subjectMathematics - self-conceptpt_BR
dc.subjectMatemática - modelagempt_BR
dc.subjectMathematics - modelingpt_BR
dc.titleReflexos da construção de um ambiente de aprendizagem baseado na modelagem matemática no desenvolvimento do autoconceito acadêmico em matemáticapt_BR
dc.typedissertacao_mestradopt_BR
dc.contributor.advisor-coRezende, Oscar Luiz Teixeira de
dc.publisher.localVitóriapt_BR
ifes.campusCentro_de_Referencia_em_Formacao_e_em_Educacao_a_Distanciapt_BR
ifes.author.latteshttp://lattes.cnpq.br/0967645429969901pt_BR
dc.description.affiliationIfesCentro_de_Referencia_em_Formacao_e_em_Educacao_a_Distanciapt_BR
dc.identifier.capes30004012002P7pt_BR
ifes.knowledgeAreaEnsino de ciências e matemáticapt_BR
ifes.researchAreaPRÁTICAS PEDAGÓGICAS NO CONTEXTO DA EDUCAÇÃO EM CIÊNCIAS E MATEMÁTICApt_BR
ifes.advisor.latteshttp://lattes.cnpq.br/7959495705859101pt_BR
ifes.advisorco.latteshttp://lattes.cnpq.br/1085387566931992pt_BR
ifes.course.underposgraduateEducação em Ciências e Matemática
dc.contributor.memberSouza, Maria
dc.contributor.memberThiengo, Edmar Reis
dc.contributor.memberRamos, Fabiana Pinheiro
ifes.member.latteshttp://lattes.cnpq.br/2876710785262591pt_BR
ifes.member.latteshttp://lattes.cnpq.br/3711344395240543pt_BR
ifes.member.latteshttp://lattes.cnpq.br/6388152062755064pt_BR
ifes.member.orcidhttps://orcid.org/0000-0003-2038-813Xpt_BR
ifes.member.orcidhttps://orcid.org/0000-0002-4423-4939pt_BR
ifes.advisor.orcidhttps://orcid.org/0000-0003-4859-7750pt_BR


Files in this item

Thumbnail
Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record