A produção intensiva de leite a pasto como fator competitivo para agricultura familiar no Espírito Santo

Penna Júnior, César Otaviano (2020)

Tese de doutorado

RESUMO: As discussões sobre a viabilidade da agricultura familiar no Brasil são marcadas por pressões advindas da cadeia produtiva que afetam a sua lucratividade. Ações que visam oportunizar possibilidades para que a agricultura familiar se desenvolva, devem levar em consideração os fatores externos à propriedade, que influenciam as tomadas de decisões, e os fatores internos ligados à eficiência da produção. A proposta deste estudo foi investigar a aplicabilidade de conceitos de intensificação na pecuária de leite, e analisar a interação entre o técnico extensionista e o produtor, nas tomadas de decisões gerencial e estratégica. Para isso, partiu-se da análise técnica e financeira de uma propriedade típica de agricultura familiar, localizada no sul do estado do Espírito Santo, que adotou a metodologia de lotação rotacional em pastagem tropical irrigada como modelo de intensificação. A propriedade onde os dados foram coletados foi monitorada por 42 meses, período em que ocorreu a transição tecnológica no modelo de produção. Verificou-se como os indicadores de intensificação tecnológica foram alinhados com os ganhos em indicadores de produtividade. O manejo rotacional nas pastagens tropicais irrigadas, em um módulo de 0,86 ha de capim Mombaça, levou a um aumento da produtividade animal (de 16 para 23 unidades animais – UA – por hectare), da mão- vi de-obra (96 litros de leite por dia) e da terra (de 219 para 349 litros de leite por hectare por dia). Entretanto, o aumento da escala de produção foi um fator limitante para a competitividade no presente estudo de caso. Para a avaliação dos resultados financeiros foram organizadas planilhas de fluxo de caixa, considerando dois cenários determinísticos (com e sem a aplicação da tecnologia), avaliando-se o valor presente líquido a 6% (VPL6%) e a taxa interna de retorno (TIR). Em seguida, foi efetuada uma análise de sensibilidade e, considerando os itens de maior contribuição nos indicadores financeiros, efetuou-se também a simulação de Monte Carlo, obtendo-se o risco na decisão por investir em cada situação estudada. Os resultados demonstraram que o VPL6% e a TIR superariam os valores dos investimentos alternativos com remunerações de 6% em US$ 1.830,71, e remunerariam o capital em 6,25%, respectivamente. Propôs-se uma metodologia alternativa de análise de custos denominada rateio de concentrado, no intuito de medir o desempenho financeiro das vacas em lactação, para isso foram analisados indicadores relacionados à receita e aos custos de produção. A aplicação da ferramenta rateio de concentrado demonstrou que os melhores resultados financeiros foram verificados para as vacas com maior produção e que fizeram uso da maior quantidade de concentrado, sugerindo que o uso racional do concentrado pode ser um aliado do produtor, desde que aferidos seus efeitos técnicos e financeiros. O modelo de intensificação proposto pode se tornar uma opção viável para a modernização da pecuária leiteira nos trópicos, sob os pontos de vista técnico e financeiro. A viabilidade da agricultura familiar parte de um trabalho de conscientização entre extensionistas e produtores sobre a adoção modelos de gestão norteados pelas demandas de mercado, para que esta se torne protagonista no arranjo produtivo da cadeia produtiva do leite.

ABSTRACT: Discussions about the viability of family farming in Brazil are highly influenced by pressures from the production chain that affect its profitability. Actions that aim to provide opportunities for family farming development must have to consider external factors to the property that influence the decision-making and also the internal factors linked to production efficiency. The purpose of this study was to investigate the applicability of intensification concepts in dairy farming and to analyze the interaction between the rural extension technician and the farmer in managerial and strategic decision making. For this, the starting point of the research was the technical and economic analysis of a typical family farm, located in the south of the state of Espírito Santo, which adopted the methodology of intermittent stocking on irrigated tropical pasture as an intensification model. The farm from which the data was collected was monitored for 42 months, during which time the technological transition in the production model occurred. It was verified how the technological intensification indicators were aligned with the gains in productivity indicators. Intermittent management on irrigated tropical pastures, in a module of 0.86 ha of Mombaça grass, led to an increase in animal productivity (from 16 to 23 animal units per hectare), labor productivity (96 liters of milk per man per day) and land productivity (from 219 to 349 liters of milk per hectare per day), but the increase in the scale of production was a limiting factor for competitiveness in the present case study. For the evaluation of the financial results, cash flow spreadsheets were organized, considering two deterministic scenarios (with and without the application of the technology), evaluating the net present value at 6% (NPV6%) and the internal rate of return (IRR). After that, a sensitivity analysis was carried out and, considering the items of greatest contribution in the financial indicators, the Monte Carlo simulation was carried out, obtaining the risk in the decision to invest in each situation studied. The results of VPL6% and IRR would exceed the values of alternative investments with a return of 6% in US$ 1,830.71 and return the capital by 6.25%, respectively. An alternative methodology of cost analysis called the apportionment of concentrate was proposed to measure the financial performance of lactating cows. For this, indicators related to revenue and production costs were analyzed. The application of the concentrate apportioning tool demonstrated that the best financial results were verified for the cows with the highest production that consumed the largest amount of concentrate, suggesting that the rational use of the concentrate can be an ally of the farmer since its technical and economical effects are assessed. The proposed intensification model may become a viable option for the modernization of dairy farming in the tropics from a technical and economical point of view. The viability of family farming comes from raising awareness among extension technicians and farmers about the adoption of management models guided by market demands in the way that it becomes a protagonist in the productive arrangement of the milk production chain.


Collections: