Análise de potencial termoeconômico da casca de coco verde na geração energética através da combustão direta

Silva, Heitor Mendes Vieira da (2017)

tcc

O presente projeto tem como objetivo estudar a viabilidade da utilização da casca de coco como biocombustível para produção de energia elétrica através da combustão direta como rota de conversão termoquímica. A combustão direta é a queima de qualquer combustível em fornos, caldeiras ou fogões, visando a produção de calor para a posterior geração de vapor e eletricidade. Para tanto, verificou-se o potencial energético da casca do coco através de estudos já realizados e ainda quantificou-se o potencial de geração energética a partir da vazão média de casca de coco em uma empresa local. De posse desses parâmetros, foram selecionados os principais equipamentos para produção da energia. A utilização de resíduos para obtenção de energia tem se tornado comum, principalmente pelo potencial energético fornecido pelos mesmos em relação ao seu custo. A casca de coco verde é abundante na agroindústria brasileira, além de uma nova fonte de energia, o estudo busca solucionar o problema gerado pelo excedente da produção do coco, a sua casca, de forma a se obter recursos financeiros de maneira sustentável através da mesma. Uma vez verificada e comprovada o uso da casca de coco para geração de eletricidade, efetuou-se a modelagem da planta de geração energética de forma macroscópica, com sua análise de custo de implantação, quantidade de energia gerada e uma breve comparação com os custos de investimento e tempo de retorno do mesmo. O presente estudo comprovou, através de uma curva de payback simples que o retorno do investimento inicial irá ocorrer após vinte e seis meses.


Coleções: